jornalista1

Filho de dois anos morre ao ser esquecido no carro por delegado

Menino deveria ser levado para a escola, mas pai esqueceu e acabou indo direto para o trabalho. Caso aconteceu em Cuiabá (MT)

menino2anosUma criança de dois anos morreu na tarde desta terça-feira (26) após ser esquecida dentro do carro pelo pai em Cuiabá, no estado do Mato Grosso. O menino, filho único, deveria ter sido levado para a escola, mas Geraldo Gezoni Filho, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), acabou indo direto para o trabalho.

De acordo com a Polícia Judiciária Civil do Mato Grosso, a morte do menino será apurada pela Delegacia Especializada de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Deddica). Gezoni relatou que por volta das 14 horas estava levando o filho para escola e que a criança dormia na cadeirinha no banco traseiro de seu veículo, quando foi acionado pelos policiais para tomar providências referentes a um preso que precisava ser encaminhado ao presídio.

O delegado era o plantonista do dia e foi para a delegacia. Ele estacionou o carro no pátio e acabou esquecendo o filho dentro. Depois de tomar todas as providências, no final do dia, saiu da unidade com a intenção de buscar o filho na escola junto com a esposa. Já no prédio onde o casal mora, a esposa ao entrar no carro percebeu a criança desmaiada. Eles tiraram o menino na tentativa de reanimá-lo, mas sem sucesso, seguiram para o Pronto Atendimento da Unimed, onde foi constatada a morte.

O delegado geral da Polícia Civil, Adriano Peralta Moraes, destacou que toda a instituição está em luto e solidária à dor da família. “Dispensaremos ao Dr. Geraldo e sua família todo apoio necessário neste momento de luto, ressaltando se tratar de um excelente profissional que sempre desempenhou suas funções com dedicação e zelo, inclusive no dia do fato encontrava-se trabalhando na hora do almoço”, afirmou.

Peralta ressaltou que o trágico episódio poderia ter acontecido com qualquer pessoa. “No caso específico, isso causou uma tragédia de proporção imensurável para a família. Hoje toda a PJC está recolhida ao luto”, declarou o delegado geral.

A Polícia Civil reforça que todas as providências necessárias estão sendo tomadas para apurar as circunstâncias da morte da criança.

Informações do Portal Banda B.

Polícia Federal prende Argentino procurado pela Interpol

not polCuritiba/PR – A Polícia Federal prendeu na manhã de hoje, 22/12, um homem de 54 anos, foragido da Justiça Argentina pelo cometimento de duplo homicídio e uma tentativa de homicídio na cidade de Avellaneda na Argentina. O mesmo também possuía difusão vermelha na Interpol e uma recompensa de 150.000,00 pesos por sua captura.

As investigações que culminaram na prisão do suspeito foram iniciadas após uma denúncia anônima, feita à representação da Interpol em Curitiba. Após a realização de diligências e levantamentos, com o apoio da Delegacia de Polícia Civil de Araucária, a equipe da Polícia Federal de Curitiba/Interpol obteve êxito na localização e prisão do suspeito, na região metropolitana de Curitiba, onde residia.

A prisão se deu em decorrência do cumprimento de um mandado de prisão expedido pelo Supremo Tribunal Federal.

Em poder do suspeito foram encontrados diversos documentos estrangeiros com nomes falsos, inclusive a identidade falsa utilizada no Brasil.

O preso será encaminhado ao sistema prisional estadual, onde ficará aguardando a decisão do STF para extradição ao seu país de origem.

Comunicação Social da Polícia Federal em Curitiba/PR

Telefone. (41) 3251-7809

PF prende em flagrante passageiro com ecstasy no aeroporto em Curitiba

pfecstase

Curitiba/PR – A Polícia Federal prendeu em flagrante nesta manhã, 12/12, um cidadão que tentou embarcar para a cidade do Rio de Janeiro/RJ, com ecstasy na sua bagagem de mão, através do Aeroporto Afonso Pena, em São José dos Pinhais, área metropolitana de Curitiba/PR.

O passageiro ao tentar o embarque passando pela área do check-in, chamou a atenção de um Agente de Proteção Aeroportuária quando este detectou que havia uma substância orgânica no interior de sua bagagem de mão.

A mochila foi aberta e foi encontrada grande quantidade de comprimidos de cores variadas e em formato da cabeça de um personagem de desenho animado. O Policial Federal foi acionado para verificar o fato e após o exame foi constatado que se tratava de uma droga popularmente conhecida como ecstasy. Cerca de 11 mil comprimidos.

Com o preso também foi encontrada a passagem de retorno ainda para o dia de hoje.

O preso foi conduzido para a Superintendência da Polícia Federal em Curitiba/PR onde permanecerá à disposição da Justiça, respondendo pelo crime de tráfico de drogas que prevê penas de até 15 anos de reclusão.

Comunicação Social da Polícia Federal em Curitiba/PR

Telefone. (41) 3251-7809

Bandidos invadem cidade no PR e fogem com cofre de banco

Durante 15 minutos, criminosos tomaram a cidade de Itaperuçu, região metropolitana de Curitiba, e fugiram com cofre de agência bancária

sireneAo menos 15 homens armados participaram de um crime de cinema na madrugada desta segunda-feira (7) na cidade de Itaperuçu, região metropolitana de Curitiba. Por volta das 3h30, eles dominaram o centro da cidade, explodiram caixas eletrônicos da Caixa Econômica Federal e fugiram com o cofre da agência. Eles ainda fecharam as principais vias de acesso ao local para impedir a aproximação da polícia.

De acordo com a Banda B, a quadrilha usava armas longas e utilizou três veículos para efetuar o assalto: uma L200, um Gol e outra caminhonete da Mitsubishi. Toda a ação durou cerca de 15 minutos. A quadrilha fugiu logo após o roubo e ainda não há informações sobre suspeitos.

Fonte: http://arede.info/

PF prende traficantes e apreende bens no PR e MT

opgalegoCuritiba-PR – A Polícia Federal deflagrou hoje, 04/12, a Operação Galego*, com o objetivo de reprimir o tráfico de entorpecentes na cidade de Curitiba.

Cerca de 40 policiais federais cumpriram 12 mandados judiciais, sendo cinco mandados de prisão preventiva, dois mandados de condução coercitiva e cinco mandados de busca e apreensão. Um dos mandados será cumprido na cidade de Cuiabá/MG.

A operação visa desarticular organização composta de traficantes que trazem grandes quantidades de drogas para a cidade de Curitiba, da qual seu líder, que é um empresário da cidade, realiza lavagem de dinheiro, além de supostamente, operarem o sistema de agiotagem e jogos clandestinos.

Os presos responderão pelos crimes de tráfico de drogas e lavagem de dinheiro e poderão ser condenados a penas que podem chegar a até 35 anos.

Quatro veículos e uma moto foram apreendidos, além de relógios, jóias, certa quantia em dinheiro e bloqueio de contas bancárias dos investigados.

* O nome da operação é em alusão ao apelido do principal alvo da organização.

Comunicação Social da Polícia Federal em Curitiba/PR

(41) 3251-7809

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Mais artigos...

vetenuo

bannerdisponivel

bannerdisponivel

bannerdisponivel

bannerdisponivel

Impakto nas Redes Sociais

                                   

 

blogimpakto  acervo         jornalismoinvestigativo

Desenvolvido por: ClauBarros Web